Seu celular pode te ajudar a EVITAR ACIDENTES no trânsito! Veja como e quando isso pode acontecer

Curiosidades Notícias


Celular e acidentes no trânsito – é verdade que o uso do smartphone pode evitar a ocorrência destes eventos? De acordo com especialistas do Instituto das Seguradoras para Segurança Rodoviária, a resposta é sim! Pelo menos, essa foi a conclusão de um estudo realizado recentemente pela equipe científica da organização. A novidade, como era de se esperar, pegou muitos motoristas de surpresa, não somente no Brasil mas também no exterior.

Afinal de contas, hoje em dia, a maior parte dos condutores encara os smartphones apenas como “distrações” no trânsito. O uso do celular na direção, inclusive, pode resultar em acidentes bastante graves. É por isso que os motoristas que são flagrados cometendo essa infração levam uma multa bastante pesada, além do acréscimo de vários pontos na CNH. Com isso em mente, veja abaixo como o celular pode te ajudar a evitar acidentes no trânsito!

Veja como o seu celular pode evitar acidentes de trânsito! Foto: divulgação
Veja como o seu celular pode evitar acidentes de trânsito! Foto: divulgação

Uso do celular é a 3ª maior causa de mortes de trânsito

Você sabia que, de acordo com uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), o uso do celular na direção se estabelece como a 3ª maior causa de mortes no trânsito?

Segundo o estudo, que leva em conta dados de 2022, a utilização do smartphone na direção pode resultar em 154 mortes por dia, cerca de 54 mil óbitos por ano.

No “ranking” das atitudes mais perigosas no trânsito, o uso do celular perde apenas para o consumo de álcool e o excesso de velocidade.

“No Brasil o celular já é a terceira maior causa de acidente de trânsito. Superando causas grandes como a imprudência e a negligência. A primeira causa é justamente o excesso de velocidade. A segunda causa é a associação de álcool e direção e o celular a terceira maior causa de acidente de trânsito no nosso país”, explica o especialista em trânsito e tenente coronel da Polícia Militar, Aluísio Souza.

Segundo a Abramet, um motorista que escreve uma mensagem de texto no smartphone enquanto dirige um veículo a 80 quilômetros por hora, basicamente, conduz o automóvel “de olhos vendados” por um percurso de até 100 metros.

Veja também:  Ficou MAIS FÁCIL viajar de avião DE GRAÇA: Livelo oferece novo programa de pontos MAIS ACESSÍVEL e DESTRÓI a concorrência

Qual é a multa para o uso do celular no trânsito?

Como você já pôde perceber, o uso do celular é uma das atitudes mais perigosas do trânsito! Por isso, o fato da infração ter natureza “gravíssima” não deve ser encarado, exatamente, como uma surpresa.

“Recentemente a legislação até tornou a infração de trânsito mais rigorosa. Então a pessoa que for pega falando ao celular comete uma infração média, mas se ela estiver com o celular na mão manipulando o celular a infração é considerada gravíssima”, diz Aluísio Souza.

Ou seja: se você falar ao celular enquanto dirige, mesmo no viva-voz, estará cometendo uma infração de trânsito de natureza média. Nesse caso, a multa é de R$ 130,16 + acréscimo de 4 pontos na CNH.

Agora, quando os motoristas são flagrados segurando ou utilizando o smartphone enquanto dirigem, a infração tem natureza “gravíssima”. Em outras palavras, os condutores levam multa de R$ 293,47 + 7 pontos na carteira de habilitação.

Celular pode evitar acidentes no trânsito!

De acordo com uma pesquisa realizada pelo Instituto das Seguradoras para Segurança Rodoviária (IIHS), uma instituição americana especializada na proteção aos motoristas, os celulares têm tudo para perder o rótulo de “vilões” do trânsito e oferecer vários recursos para os condutores que desejam evitar acidentes.

Na perspectiva de Ian Reagan, o cientista sênior dos estudos da IIHS, a distração no trânsito é quase inevitável, e por isso, os smartphones podem desempenhar um papel muito importante para manter os motoristas sempre atentos à circulação dos veículos.

“A distração tem causado acidentes desde que as pessoas começaram a dirigir. Nosso vício em telas aumentou o problema. Se o smartphone pudesse se tornar uma ferramenta para combater não apenas a distração, mas também o modo inseguro de dirigir seria uma reviravolta verdadeiramente notável”, explica o cientista.

Use o seu celular para diminuir as distrações no trânsito!

Como você já pôde perceber, os celulares possuem um grande potencial para diminuir a distração no trânsito. Nesse sentido, surge a dúvida: afinal de contas, como os motoristas podem usar os smartphones para dirigir com mais segurança?

O recurso “Não Perturbe”, de acordo com os cientistas da IIHS, é uma boa opção! Essa ferramenta, para quem não conhece, está disponível tanto nos celulares com o sistema operacional Android, quanto para os aparelhos da Apple que utilizam o iOS.

Quando a função “Não Perturbe” é ativada, todas as chamadas e notificações são bloqueadas no celular. Com isso, o motorista deixa de se distrair pelos alertas do smartphone, dirigindo com mais atenção e cuidado.

O problema é que, segundo o estudo da IIHS, somente 20% dos motoristas utilizam esse recurso. A pesquisa, é importante lembrar, entrevistou somente condutores dos Estados Unidos. Pelo menos até o momento, não existem dados sobre a relação dos motoristas brasileiros com esta ferramenta.

Veja também:  4 coisas capazes de IMPOSSIBILITAR que sua aposentadoria seja devidamente paga

Câmera do celular também pode evitar acidentes no trânsito

A função “Não Perturbe” está longe de ser o único recurso dos smartphones que serve para aumentar a segurança dos motoristas no trânsito.

Na verdade, os condutores podem utilizar até mesmo a câmera do celular para diminuir o risco de acidentes. Essa dica serve, primordialmente, para os motoristas que utilizam veículos mais antigos, que ainda não possuem a tecnologia de FCW (aviso de colisão frontal, de acordo com a sigla em inglês).

O recurso, nesse sentido, será essencial para as próximas duas décadas, já que a instalação da frenagem automática de emergência (AEB, na sigla em inglês) deve demorar mais de 20 anos para englobar toda a frota de veículos que circulam em todos os continentes.

Atualmente, especialistas em tecnologia desenvolvem também aplicativos que, quando forem lançados, poderão monitorar o olhar e a atenção dos motoristas, emitindo alerta sempre que os condutores se desviarem da estrada por um período mais extenso de tempo.

Estes aplicativos, no entanto, ainda não possuem uma data específica de lançamento. Vale a pena ficar de olho nas lojas oficiais de apps para conferir as maiores novidades para os motoristas.



Source link

Comentários