Clint Eastwood morreu em maio de 2023 #boato

Entretenimento Mensagens


Boato – O ator Clint Eastwood morreu há cinco minutos, em maio de 2023. Foi uma morte repentina.

Com o período de “entressafra” de fake news, até boatos “toscos” de morte de celebridades têm chamado atenção na internet. E a última que tivemos acesso aponta para algo que teria ocorrido com o ator Clint Eastwood.

Um vídeo no YouTube com o título “5 MINUTOS ATRÁS! No funeral, lamentamos profundamente a morte repentina do ator Clint Eastwood” está circulando junto com uma biografia do ator.

Clint Eastwood morreu em maio de 2023?

O vídeo, em poucas horas, alcançou algumas milhares de visualizações e também alguns bons compartilhamentos em redes sociais. Porém, a informação que aponta que Clint Eastwood morreu em maio de 2023 é falsa. A mensagem, o histórico deste tipo de boato, a fonte e uma busca pela informação em fontes confiáveis já revelam a farsa.

Assim como um bom boato, a mensagem tem características de fake news como o caráter vago, o tom alarmista, os erros de português e a falta de citação de fontes confiáveis.

Além disso, boatos de mortes de figuras famosas é uma constante na internet. Recentemente, por exemplo, desmentimos a notícia falsa que aponta que Céline Dion teria morrido.

Confira também: é falso que Luciano Huck seja dono de ONG envolvida em tráfico no Rio



Ao buscar pelo assunto, logo percebemos que a informação não procede. Nenhuma fonte confiável falou sobre a morte do ator. A última notícia sobre ele é sobre o planejamento de dirigir o seu último filme. Ou seja, ele não só está vivo como tem planos.

Resumindo: é falso que Clint Eastwood morreu agora em 2023. A história que circula na internet é falsa, não é balizada por fontes confiáveis e brotou “do nada”. Trata-se de mais um boato de morte que circula na internet.

Ps: Esse artigo é uma sugestão de leitores do Boatos.org. Se você quiser sugerir um tema ao Boatos.org, entre em contato com a gente pelo siteFacebook e WhatsApp no telefone (61) 99458-8494.





Source link

Comentários