Comissária de direitos humanos renuncia após zombar de Deus e amaldiçoar os cristãos por causa do desastre da árvore de Natal

Mensagens


Um membro da Comissão de Direitos Humanos com sede em Massachusetts renunciou depois de zombar de Deus e amaldiçoar os cristãos em um post no Facebook na semana passada.

Diane Loud, que foi nomeada para a Comissão de Direitos Humanos em Dedham, Massachusetts, chamou Deus de “papai do céu mágico” e amaldiçoou os cristãos depois que o gerente de uma biblioteca local reclamou por não poder colocar uma exibição de árvore de Natal em suas instalações.  

No início deste mês, a Endicott Branch Library chamou a atenção nacional depois que seu gerente compartilhou no Facebook que sua exibição anual da árvore de Natal foi cancelada para evitar ofender os cidadãos.

“Nunca postei uma postagem negativa no Facebook”, escreveu Lisa Desmond em 2 de dezembro. “Isto é, até agora. Descobri hoje que minha linda biblioteca não terá [sua] árvore de Natal este ano.”

“Quando perguntei, me disseram que ‘as pessoas’ ficaram desconfortáveis ​​no ano passado olhando para ele. Sinto muito O QUE? Em meus 28 anos na Biblioteca Pública de Dedham, nunca ouvi um comentário negativo”, continuou Desmond.

O desastre da árvore de Natal ganhou as manchetes e também gerou um debate no site de mídia social. 

Como relatou Faithwire da CBN , Loud lançou um post de mídia social cheio de palavrões, alegando que Desmond colocou a vida das pessoas em risco com sua defesa da árvore de Natal.

 Loud continuou em parte: “Espero que [você saiba] o fato de que você – que afirma acreditar em Cristo e no Natal ou em qualquer cavalo feliz – você está tentando se esconder atrás – é o menos gracioso, o mais odioso, o mais nojento lixo do mundo.”

“É isso que você acha que seu papai do céu mágico quer? Onde na Bíblia estava isso mesmo?” ela também escreveu.

“Para encerrar … eu odeio todos e cada um de vocês e desejo muito sofrimento para vocês. Vocês são pessoas terríveis, terríveis. E vocês fizeram tudo porque não conseguiram o que queriam. Vocês são desprezíveis,” Loud concluiu.

O Dedham HRC divulgou um comunicado anunciando a renúncia de Loud na semana passada. 

“A membro do HRC, Diane Loud, renunciou ao cargo na Comissão de Direitos Humanos de Dedham”, disse a comissão. “Apreciamos sinceramente o serviço de Diane e esperamos trabalhar com a Comissão de Deficiência para encontrar um representante para substituí-la.”

A organização também condenou “ameaças online e bullying”.

“A cidade de Dedham apoia todos os funcionários da cidade alvo de recentes ameaças online e bullying. Infelizmente, uma postagem recente na mídia social expressando desacordo com a decisão de exibir uma árvore natalina na biblioteca evoluiu rapidamente para um ambiente polarizado e levou ao assédio e intimidação dos funcionários da cidade. Condenamos de todo o coração esse comportamento, pois destrói o tecido de nossa comunidade e não pode ser tolerado”, diz o comunicado .

O diretor da Biblioteca Dedham disse à Fox News que exibiria árvores de Natal em suas duas instalações locais neste feriado.

“A decisão inicial de não exibir uma árvore de Natal foi o resultado de uma revisão contínua de todas as nossas decorações e exibições natalinas que começaram na primavera”, disse o diretor. “O que aconteceu nas mídias sociais é lamentável, impactou negativamente nossa equipe e a comunidade e, francamente, aconteceu antes mesmo de começarmos nossa decoração sazonal”.

“Enquanto terminamos de decorar para esta temporada de festas, as árvores de Natal serão colocadas em ambos os locais”, acrescentou o diretor.

Fonte:CBNNEWS

Comentários