Veja CONSULTAR e descubra quanto você tem de dinheiro ESQUECIDO no Banco Central

Finanças Notícias


O Banco Central do Brasil se caracteriza como uma autarquia federal que funciona de forma totalmente autônoma e faz parte do Sistema Financeiro Nacional, sem possuir vínculo com nenhum Ministério. 

O Banco Central existe desde dezembro de 1964, mas as suas atividades só começaram em março do ano seguinte. Assim como os bancos centrais ao redor de todo o mundo, a instituição brasileira se caracteriza enquanto uma das principais autoridades monetárias do país, sendo o principal responsável pelo Conselho Monetário Nacional (CMN). 

Além disso, o Banco Central ainda disponibiliza para os brasileiros o Sistemas de Valores a Receber (SVR) que possibilita que sejam consultados os valores esquecidos nas contas inativas nas instituições financeiras. Portanto, confira a seguir como consultar o serviço e retirar o dinheiro disponível!

Grande número de brasileiros ainda possui valores disponíveis no SVR, Crédito: @jeanedeoliveirafotografia / pronatec.pro.br

Como funciona o Sistema de Valores a Receber?

De acordo com os últimos dados divulgados pelo Banco Central, cerca de R$ 7.179 bilhões ainda estão disponíveis para serem resgatados pelos brasileiros. O valor representa um aumento de cerca de R$ 50 milhões quando comparado ao mês anterior. 

Os valores a receber são correspondentes aos saldos que se encontram disponíveis em contas de depósitos ou pagamentos que já foram encerradas. A modalidade inclui ainda os valores que estão disponíveis em contas encerradas em distribuidoras e corretoras, assim como tarifas cobradas de forma indevida que estão sujeitas a devolução e recursos que não foram procurados de grupos de consórcios que já foram encerrados. 

Para ter acesso aos valores em questão e também para saber se você possui valor em uma conta já esquecida, é necessário acessar o Sistema de Valores a Receber (SVR) do Banco Central. O sistema foi atualizado recentemente, de forma permitir que as pessoas possam ter acesso a impressão de telas e também aos protocolos de solicitação para compartilhamento no WhatsApp, além de terem sido incluídos todos os tipos de valores que se encontram previstos na norma do sistema. 

Confira também: Dinheiro ‘esquecido’, mas não ‘perdido’: saiba como resgatar AGORA os mais de R$ 7 BILHÕES no Banco Central

Como consultar e sacar os valores no SVR?

Para realizar uma consulta no Sistemas de Valores a Receber (SVR), é necessário entrar no site disponibilizado pelo Banco Central (bcb.gov.br/meubc/valores-a-receber) e depois clicar na opção “Consulte se possui valores a receber”. Por conseguinte, é preciso ainda fornecer algumas informações, como a data de nascimento e o CPF, no caso das pessoas físicas. As pessoas jurídicas, por sua vez, devem apresentar a data de abertura da empresa e também o seu CNPJ. 

Se após realizar a consulta for indicado que você possui valores disponíveis para receber, é necessário clicar na opção “Acessar o SVR” e realizar o login com a sua conta gov.br. Vale ressaltar que, no caso das pessoas físicas, a conta gov.br deve ser nível prata ou ouro. 

Depois da solicitação, o sistema vai entrar em contato com a instituição financeira para que o dinheiro seja disponibilizado no Pix indicado em até 12 dias úteis. 

Saiba mais: Dinheiro da restituição NÃO CAIU? Descubra se existem pendências e FINALMENTE saque sua grana



Source link

Comentários