Davi Leal é removido da ADVEC Recreio três meses após carta denúncia

Igreja Mensagens


O pastor Davi Leal foi removido do comando da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC), no Recreio, menos de três meses após o Fuxico Gospel publicar uma matéria sobre uma carta aberta publicada por alguém que se diz membro da igreja, contendo várias acusações contra ele, incluindo a notícia de que ele teria acobertado um estupro, cuja vítima seria filha de um casal da igreja, e o suposto abusador, o filho de um famoso pastor da ADVEC.

Davi Leal estava na igreja desde junho de 2019, e sua saída do comando da igreja foi anunciada nesta quarta-feira (03/05), pelo próprio pastor Silas Malafaia, presidente da ADVEC. Davi é sobrinho da pastora Elizete Malafaia, esposa do pastor Silas.

Quem assume o comando da ADVEC Recreio é o pastor Bruno Fernandes, que era o vice de Davi.

Fernandes será auxiliado por Matheus Lole, que foi consagrado a pastor recentemente e é dirigente da escola bíblica. Matheus é casado com a filha da Elba Alencar, cunhada do pastor Silas e CEO da Central Gospel.

Davi Leal estava de férias nos EUA com sua esposa, Caroline Leal, e chegaram recentemente ao Brasil, onde já era aguardado para resolver a situação do pastor Humberto Barbosa, recentemente afastado por manter conversas nas redes sociais com uma suposta amante, o que acabou gerando o fim do seu casamento.

Portanto, não ficou claro se a saída de Davi Leal do comando da ADVEC Recreio está diretamente ligada à carta denúncia, que você pode ler clicando aqui, ou se o pastor Silas teve acesso a novas informações que tenham pesado contra o pastor.

Ainda no início desta quarta-feira, Davi Leal desativou seu perfil no Instagram e sua esposa privou seu perfil. A conta da igreja no Instagram já foi atualizada com as informações da nova liderança.

O pastor Silas Malafaia não autorizou que o culto da posse de Bruno Fernandes fosse transmitido no Youtube. O Fuxico Gospel está acompanhando esse caso de perto, e em breve teremos mais informações.





Source link

Comentários