Ex-gay faz revelação: “Toda essa coisa LGBTQ é uma batalha espiritual”

Mundo Gospel


Cada ser humano possui uma experiência distinta de vida, o que significa a sua maneira de interpretar e lidar com o mundo e seus dilemas. No caso do ex-gay Becket Cook, que mantinha uma vida de fama e conforto em Hollywood antes de se converter, a sua realidade passou pelo ateísmo e a prática homossexual, até chegar a Cristo.

Convertido há 13 anos, Backer disse que uma “faísca” de pensamento diferente acerca de si mesmo e de Deus, foi acesa quando teve contato com uma mulher cristã, anos atrás. Na época, além de homossexual, ele também se considerava ateu.

“Foi, talvez, a primeira faísca de meu pensamento”, disse ele. “‘Deve haver algo real nesse tipo de cristianismo’… definitivamente plantou uma semente em mim”, pensou na época.

Com o passar do tempo, o agora ex-gay lembrou que enquanto vivia o seu próprio estilo de vida, descobriu que pessoas da sua família estavam orando por sua vida, como a cunhada e a sua mãe.

A cunhada, Kim Cook, explicou que o foco da oração era por sua salvação. “Eu realmente não estava preocupado com você ser gay”, disse ela a Becket em um canal no YouTube. “Eu só queria que você fosse salvo e deixasse Deus lidar com isso quando chegasse a hora.”

Poder da oração

Backet, posteriormente, descobriu que a sua mãe também estava orando constantemente por sua vida. Ela tinha até uma oração modelo, escrita, que ele considera ter sido fundamental para a sua salvação.

“Seja removido no nome todo poderoso de Jesus Cristo: 1. Espírito de homossexualidade; 2. O desejo de homossexualidade; 3. Negação de sua heterossexualidade; 4. Remova todos os bloqueios da verdade”, diz um trecho da oração, segundo o Guiame.

“Eu não tinha ideia de que isso era algo que ela estava fazendo de forma consistente”, disse Backet, explicando que apesar do posicionamento da sua mãe, ela nunca lhe ofendeu ou destratou. Em vez disso, “orou em particular”, crendo na transformação do seu filho amado.

“Em vez de ela tentar me repreender, me atormentar ou me forçar a entrar no Reino, ela apenas fez essa oração em silêncio”, contou o agora ex-gay, dizendo que agora, uma vez remido pelo sangue de Jesus, entende que a sua mudança de vida foi, de fato, fruto de uma batalha espiritual.

“O fato de ela ter orado é simplesmente impressionante para mim”, contou. “Toda essa coisa LGBTQ é uma batalha espiritual e [minha mãe] sabia disso. Peço a todos os pais ou avós que estão lidando com isso que façam algo assim, porque não apenas ela fez isso, mas Deus respondeu à sua oração.”

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id; js.async = true;
js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.8&appId=297019197061979”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));



Source link

Comentários