Jovens estão cada vez mais se identificando como LGBT, revela pesquisa

Mensagens


Bandeira do ativismo lgbt
Bandeira do ativismo lgbt

Dados de uma pesquisa de opinião nos Estados Unidos demonstram que cada vez mais jovens estão se identificando como LGBT, e apontam para um futuro onde as gerações mais novas se declarem homossexuais cada vez mais cedo.

O número de adultos dobrou desde a primeira vez que a empresa de pesquisa americana Gallup realizou o levantamento, uma década atrás.

Os dados são baseados em resultados das pesquisas telefônicas da Gallup de 2022, abrangendo entrevistas com mais de 10.000 adultos nos EUA. Em cada pesquisa, a empresa pergunta aos entrevistados se eles se identificam como algum gênero LBGT, permitindo que escolham várias identidades.

86% dos adultos americanos dizem que são heterossexuais, 7% se identificam como LGBT e 7% optaram por não responder à pergunta. Dentro daqueles que se identificam como LGBT, mais da metade (4,2%) se identifica como bissexual.

Cerca de um em cada cinco adultos LGBT se identifica como gay, cerca de um em cada sete diz que é lésbica e pouco menos de um em cada dez se identifica como transgênero.

Em 2022, a Gallup registrou pela primeira vez que 5% dos adultos LGBT se identificam como queer, pansexual ou assexual.

Preocupação com as gerações mais jovens

Os jovens da Geração Z, aqueles nascidos entre 1997 e 2004 com idade entre 18 e 25 anos em 2022, são o subgrupo com maior probabilidade de se identificar como LGBT, com 19,7%.

A taxa é de 11,2% entre os millennials e 3,3% ou menos entre as gerações mais velhas. Cada uma dessas porcentagens é maior do que para todas as outras gerações.

Alerta às gerações futuras

A identificação LGBT tornou-se muito mais comum nos Estados Unidos na última década, embora no ano passado o número tenha se mantido estável.

Segundo dados da Gallup, com um número tão alto de jovens se identificando como LGBT, estima-se que grande parte da população adulta dos EUA que não se reconhece como o gênero de nascença, cresça nos próximos anos.

No entanto, impedir esse crescimento depende principalmente da Igreja cumprir com seu papel de proclamar a Palavra de Deus e envolver os jovens a um conhecimento claro sobre a verdadeira identidade em Jesus.

Fonte: Guia-me com informações de Gallup





Source link

Comentários