Líder de máfia pede socorro a Jesus em meio a briga de gangues e recebe intervenção divina

Destaques Testemunhos


O líder de uma máfia clamou pela primeira vez Jesus em meio a uma luta de gangues e viu uma intervenção divina diante de seus olhos. Jeremy Siau teve dificuldades de aprendizado quando criança e enfrentou a dislexia. Embora tivesse sido criado em um lar cristão, não tinha uma conexão profunda com o pai. Sentia-se preso pelas regras e expectativas que precisava cumprir como filho.

Nesse sentido, aos 12 anos, a família de Jeremy se mudou para a Nova Zelândia. Quando chegou à escola, ele sofreu um choque cultural. Muitas crianças o intimidavam a ele e a seu irmão. Foi quando ele começou a brigar e recorrer à violência para sobreviver. Isso abriu caminho para ele entrar para uma gangue. Aos 13 anos, ele já era um gângster.

De acordo com God TV, anos depois, Jeremy foi para a Malásia. Foi quando seu irmão se envolveu com uma tríade local, e o grupo do irmão o convidou para se juntar a eles depois. A tríade estava envolvida com prostituição, tráfico de drogas, extorsão e outros crimes. Aos 16 anos, ele já era um líder de gangue.

Além disso, um dia, Jeremy percebeu algo diferente em seu pai. Após uma briga violenta, seu pai pediu desculpas por seus problemas de raiva. Ele pensou que Deus devia ter mudado seu pai, porque ele estava diferente, mais calmo e se aproximou dele de forma mais afetuosa. Mais tarde, o Senhor falou com a mãe de Jeremy dizendo que seu filho seria morto.

Desse modo, sua mãe decidiu partir com a família para protegê-lo. Eles voltaram para os Estados Unidos, mas Jeremy retornou. Sua mãe o disse que orou para que Deus fizesse o que fosse necessário para traze-lo para Cristo. Logo, Jeremy se envolveu em uma briga que quase o matou. Mas quando enfrentou a morte, ele clamou a Deus.

“Eu só conseguia pensar ‘eu vou morrer hoje’ (…) algo que veio na minha mente foi o que minha mãe havia me dito quando eu era criança, ela me disse “filho se você alguma vez estiver em uma situação que você tenha um problema, eu quero que você chame por Jesus”. E eu me lembro de dar um passo para trás e dizer ‘Jesus, me salve’”, revelou.

Sendo assim, naquele momento um de seus amigos de gangue apareceu e convenceu a outra gangue a parar com a briga. Mais tarde, Jesus o salvou de um acidente de carro, e quando estava no hospital, Jeremy começou a pensar sobre o nome de Jesus, e como Ele o resgatou mesmo ele estando longe, e decidiu entregar sua vida a Jesus.

Por fim, diante de uma Bíblia, Jeremy pediu para que Jesus o ajudasse a ler, algo que sempre foi um fardo para ele por conta da dislexia. Ele leu o novo testamento diversas vezes, até que Deus pediu para que ele deixasse a máfia. No dia que informou seu líder de gangue que ele queria deixar essa vida, ele se colocou diante de todos e testemunhou sua mudança de vida.



Source link

Comentários