O que a bíblia diz sobre divórcio

Mensagens


O que a bíblia diz sobre divórcio

Biblia Sagrada – @Reprodução

A Bíblia fala sobre o divórcio em várias passagens e fornece algumas orientações sobre como lidar com essa questão. A Bíblia ensina que o divórcio é permitido em algumas situações, mas também ensina que é preferível evitá-lo e buscar a reconciliação.

Por exemplo, em Mateus 19:3-9, Jesus diz que o divórcio é permitido apenas em caso de infidelidade conjugal (adulterio).

Em Marcos 10:11-12 Jesus diz “Quem se divorcia de sua esposa e se casa com outra comete adultério contra ela. E se uma mulher se divorcia de seu marido e se casa com outro, ela também comete adultério”

Além disso, a Bíblia ensina que o divórcio pode ser doloroso e prejudicial, e que é importante buscar a reconciliação (1 Coríntios 7:10-11).

Em resumo, a Bíblia ensina que o divórcio é permitido em caso de infidelidade conjugal, mas é preferível evitá-lo e buscar a reconciliação. Além disso, a Bíblia condena o divórcio sem justa causa e adverte sobre as consequências dessa escolha.

Quando a bíblia permite o divórcio?

A Bíblia permite o divórcio em caso de infidelidade conjugal, também conhecida como adultério. Em Mateus 5:32 e 19:9, Jesus ensina que “quem se divorciar de sua esposa, exceto por causa de relações sexuais ilícitas, e se casar com outra, comete adultério”. Isso significa que, segundo a Bíblia, o divórcio é permitido quando um dos cônjuges comete adultério.

No entanto, é importante notar que a Bíblia também enfatiza a importância da reconciliação e da manutenção do casamento. Em 1 Coríntios 7:10-11, Paulo ensina que “cada um deve permanecer com a esposa com quem se casou e cada uma deve permanecer com o marido com quem se casou”.

É importante notar também que a sociedade e os costumes eram diferentes na época em que a Bíblia foi escrita, e que algumas interpretações e aplicações variam entre diferentes tradições e denominações cristãs.





Source link

Comentários