Pastor é investigado por aplicar golpe milionário na Paraíba

Mensagens


Homem de paletó e gravata com algemas (ilustração)
Homem de paletó e gravata com algemas (ilustração)

Um pastor evangélico está sendo investigado por estelionato após um golpe milionário contra fiéis em uma igreja localizada no bairro de Mangabeira, em João Pessoa, na Paraíba.

Até o momento, 35 vítimas foram identificadas e o valor do golpe aplicado nos fiéis é de aproximadamente R$ 3 milhões. Já na congregação onde ele era pastor, o furto é estimado em R$ 17 mil.

Segundo a superintendente da Polícia Civil de João Pessoa, Sileide Azevedo, o pastor agia de diversas formas, utilizando a condição de pastor e da confiança que os fiéis tinham nele. O golpe foi aplicado por meio de empréstimo de dinheiro em espécie, cartões com senha, cheques e notas promissórias. Até mesmo foram feitos financiamentos de veículos em nomes de fiéis. O valor que deveria ser pago mensalmente nunca era devolvido.

Um inquérito policial foi instaurado e vítimas já foram ouvidas após boletim de ocorrência registrado pelo pastor presidente da Assembleia de Deus em João Pessoa, responsável por 150 igrejas congregadas, quando informado em reunião sobre a ação do pastor.

A Assembleia de Deus na Paraíba informou, por meio de nota, que Péricles Cardoso de Melo teria praticado crimes, como estelionato e furto, contra a igreja, congregados e pessoas próximas. Diante de evidências apresentadas em uma reunião, o suspeito foi afastado das suas funções eclesiásticas.

Também informaram que foi aberto um procedimento disciplinar administrativo por parte da denominação Assembleia de Deus na Paraíba, além de acionarem as autoridades competentes para apuração das denúncias.

Fonte: Notícia Paraíba





Source link

Comentários