Pr. Elizeu rebate ‘pastor da Xuxa’ que o atacou por pregar contra pecados sexuais

Destaque Mensagens Mundo Gospel Sociedade


Apesar do ensinamento bíblico sobre a vontade de Deus para a vida sexual humana ser cristalino, começando pela narração da criação, no Gênesis, e passando pela confirmação da autoridade deste ensino feita pelo próprio Jesus Cristo em Mateus 19: 4-6, alguns líderes liberais, como o “pastor da Xuxa” Hermes Fernandes, têm buscado negar determinados pecados sexuais, como a relação entre pessoas do mesmo sexo.

Recentemente, por exemplo, Hermes fez uma publicação atacando o pastor Elizeu Rodrigues, tudo por causa do trecho de uma pregação onde o líder representante da Igreja Assembleia de Deus afirma que pessoas gays irão para o inferno, caso não se arrependam do pecado da homossexualidade.

Na pregação em questão, o pastor Elizeu falava sobre a necessidade de arrependimento dos pecados em geral, entre os quais estão os pecados sexuais como homossexualidade, adultério e fornicação, por exemplo, entre outros de naturezas diversas como vícios e maledicência, etc.

Trata-se de um ensinamento existente desde o início da Igreja Cristã, o qual é compartilhado e defendido até hoje pela maioria das denominações protestantes (e pela Igreja Católica Romana e Ortodoxa) que prezam pela fidelidade às Escrituras.

“Ou se arrepende ou vai pro inferno”, diz Elizeu na pregação, explicando que o cristão genuíno não vive em função dos desejos pecaminosos, mas sim da vontade de Deus, a qual nos leva a lutar contra os pecados em obediência ao Senhor.

“S você diz que é crente e quer ser gay; Se você diz que é crente e quer ser lésbica; Se você diz que é crente e quer ser homossexual… tira esse nome de crente da tua vida! Tira o nome de Cristo da tua vida! A Palavra é a Lei!”, continuou Elizeu.

“Mensageiro de Satanás”

Ao reagir à fala de Elizeu Rodrigues, no entanto, o “pastor da Xuxa”, como ficou conhecido por já ter feito uma live com a apresentadora Xuxa Meneghel, chamou o líder assembleiano de “mensageiro de Satanás”, sugerindo ainda que ele deveria ser punido judicialmente por suposto “discurso de ódio”.

“Pastor Elizeu Rodrigues destila sua fúria contra os LGBTs, ameaçando-os com o inferno. Você consegue imaginar tais palavras nos lábios de Jesus?”, questionou Hermes Fernandes.

“Não tenho o menor prazer em postar isso aqui. Mas faço-o como denúncia, na esperança de que medidas sejam tomadas para coibir discursos de ódio em nome de Deus. ‘Arrependimento’ não tem nada a ver com abrir mão de sua orientação sexual ou identidade de gênero”, completou.

Na sequência, Hermes fez uso do conceito subjetivo de “amor”, muito utilizado atualmente por representantes do movimento LGBT+, dando a entender que pregações que trazem à tona a realidade da Justiça e ira de Deus (ver João 3:36), e não apenas o Seu amor, sobre os não arrependidos, prejudicam a relação dessas pessoas com a Igreja.

“Arrepender-se é expandir a consciência, enxergar a vida sob a perspectiva do amor. Mensagens como esta só fazem acirrar os ânimos dos crentes contra a população LGBTQIAPN+, vacinando-os contra o evangelho”, diz ele em uma publicação no X.

Em resposta, Elizeu Rodrigues tratou com ironia os comentários de Hermes: “Pastor da Xuxa diz que eu destilo ódio ao pregar sobre inferno, e com muito amor me chama de ‘mensageiro de satanás’”. Só sendo um filho das trevas mesmo né??”.

(function(d, s, id) {
var js, fjs = d.getElementsByTagName(s)[0];
if (d.getElementById(id)) return;
js = d.createElement(s); js.id = id; js.async = true;
js.src = “//connect.facebook.net/pt_BR/sdk.js#xfbml=1&version=v2.8&appId=297019197061979”;
fjs.parentNode.insertBefore(js, fjs);
}(document, ‘script’, ‘facebook-jssdk’));

Comentários